Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cardilium

Cardilium

Estar sozinho é um dom?

Estar sozinho é um dom?

Estar sozinho no meio de gente num burburinho alucinante, deixar de ver e ouvir, é demência?

 

O amor não se conjuga. Ou se pratica porque é, ou não se solicita que o seja.

O amor é justo. É o retorno do que se dá. Se não se sente, ele não mente. No mais intimo pensamento a verdade vigora. O amor não se escolhe. Se assim for ele descobre. No amor é-se escolhido.

 

O amor nunca será as palavras dos outros ou os pensamentos dos poetas, isso é uma coisa diferente, é apreciar o belo que não é nosso, porque o nosso, escondemos no agradável que é estar só, a fingir que se está ausente.

 

Quem ama sabe dizê-lo,

Saber “ter-me” dar-me-á um dia, saber “ser-me”.